quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Marlon Sandro promete mais jiu-jítsu em GP do Bellator: 'Volta às origens'

Vice-campeão dois últimos torneios do peso-pena, lutador da Nova União vai em busca do título para conseguir disputar o cinturão da categoria


>> Siga o Site no Twitter: @DentrodoRingue
>> Siga o Site no Facebook.com/DentrodoRingue


José Aldo e Marlon Sandro em treino de
jiu-jítsu na Nova Uinião (Foto: Ana Hissa)

Depois da vitória de José Aldo no UFC do último sábado, o time da Nova União seguiu junto para outro desafio da equipe. Nesta quinta recomeça o GP peso-pena do Bellator, em Duluth (EUA), e Marlon Sandro estará em ação contra o russo Akon Stepanyan pelas quartas de final do torneio. O brasileiro vem de vitória em cima de Dustin Neace, quando bateu o oponente com um mata-leão no primeiro round, em novembro do ano passado. Já o adversário, no último combate, foi finalizado em uma chave de braço pelo companheiro de equipe de Marlon, Wagnney Fabiano.

Apesar de ter se dedicado bastante à parte de trocação, já que o oponente tem um jogo em pé perigoso com bons chutes rodados, a luta de solo é a aposta do melhor caminho para a vitória.,

- Eu já venho desde o ano passado focado nesse torneio. Estou trabalhando mais o meu jiu-jítsu, voltando um pouquinho à minha origem. O Dedé implementou esse treinamento de pano junto com o MMA e acho que isso está fazendo uma grande diferença. Se você for parar para perceber ,os americanos estão melhorando a parte de chão deles porque eles estão treinando de pano e a gente estava deixando um pouco isso de lado... poucas pessoas treinavam de pano aqui na academia. Eu vou para finalizar a luta e espero que seja logo no primeiro round, porque no GP é muito importante terminar as lutas mais rápido e sem lesões, para já partir para a próxima bem - conta ele.

Duas vezes finalista do GP, Marlon também investiu na preparação física como ponto-chave para esse ano. Contou com um trabalho específico de suplementação alimentar orientado por um ortomolecular e garante estar em ótima forma.

- Dessa vez o preparo foi bem diferente, muito mais regrado. Também teve um fator fundamental, que foi o nível dos treinos durante esse camp na Nova União, porque vários atletas estavam com luta marcada para esse início de ano (Aldo, Renan Barão e Dudu Dantas). Cheguei para a luta do Junior faltando perder 12 quilos, agora só faltam dois, foi uma perda bem tranquila porque a equipe esteve muito unida aqui o tempo todo, e esse clima familiar ajudar muito.

Da esquerda para a direita, Dudu Dantas, Marlon Sandro, Dedé Pederneiras, Renan Barão e José Aldo. Nova União em dia de treino de jiu-jitsu. Até o treinador veste o quimono (Foto: Ana Hissa/ SporTV.com)

Outros brasileiros também estão na disputa das quartas de final. O vitorioso do combate entre Marlon e Stepanyan enfrenta o vencedor de Fabrício Guerreiro, que faz estreia na organização, e Frodo Khasbulaev. Do outro lado da chave, um confronto entre brasucas vai garantir pelo menos um deles na semifinal. Alexandre Popó encara Junior PQD. Quem ganhar pega Mike Richman ou Mitch Jackson. O vencedor garante a chance de enfrentar o campeão da categoria, que hoje é Pat Curran.




Fonte:SporTV

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More