domingo, 17 de fevereiro de 2013

Renan Barão finaliza McDonald e se mantém como campeão dos galos

Brasileiro aplica um kata-gatame no quarto round e mantém o cinturão interino da categoria do UFC. Sequência de vitórias do campeão chega a 30

>> Siga o Site no Twitter: @DentrodoRingue
>> Siga o Site no Facebook.com/DentrodoRingue

Não foi na "paraibagem", como prometido no UFC São Paulo, mas na disputa de quem estabeleceria a marca mais expressiva do MMA atual, o brasileiro Renan Barão levou a melhor. Com 30 vitórias consecutivas na carreira - a maior sequência da atualidade - o potiguar impediu que o americano Michael McDonald - segundo colocado no ranking oficial do UFC - se tornasse o mais novo campeão do UFC no formato atual. Com uma atuação segura e muito estratégica, o campeão - que entrou para a luta com um protetor bucal fluorescente - finalizou o americano com um kata-gatame aos 3m57s do quarto round, mantendo o cinturão interino dos pesos-galos do UFC.

Renan Barão aplica o kata-gatame para finalizar Michael McDonald no UFC em Londres (Foto: Getty Images)

- Estou me sentindo muito feliz, venho fazendo um trabalho muito duro. Fui para o Rio de Janeiro me preparar para essa luta, mas vou comemorar em Quintas. Um beijo a todos! Obrigado a todos por estarem aqui. Dominick Cruz, eu quero você! - disse Barão após a luta.

A luta

Renan Barão comemora a vitória contra o americano
Michael McDonald em Londres (Foto: Getty Images)

O primeiro round começou com o brasileiro tentando um chute rodado e, pouco depois, levando McDonald para o chão, ficando na guarda do americano. Após alguns momentos de estudos, Barão buscou avançar, mas recebeu um golpe forte de direita e sentiu, dobrando as pernas. McDonald buscou aproximar-se para continuar a conectar golpes, mas o brasileiro inverteu o domínio do rival e ficou em posição de vantagem, acertando dois bons socos no desafiante. Após a luta voltar a ser disputada em pé, Barão conseguiu levar o rival para o chão, onde ficou até o fim do round.

No segundo round, instruído pelo treinador Dedé Pederneiras para levar a luta para o chão, Renan Barão tentou executar o planejado, mas o americano estava atento e evitava a todo momento a aproximação do brasileiro aplicando socos curtos e se movimentando muito. Com bons golpes na curta distância, Michael McDonald conseguiu parar as aproximações do brasileiro e se impôr na luta.

O terceiro round trouxe Renan Barão mais agressivo, conectando bons golpes e acuando o americano, que se movimentava tentando afastar-se do brasileiro. Com força e técnica, o campeão levou McDonald para o chão, mas o americano levantou-se rapidamente, mostrando agilidade. A 30 segundos do fim do round, um chute rodado tocou o rosto do americano, que pareceu ter sentido um pouco o impacto.

No quarto round o brasileiro voltou agressivo e mais preciso no acerto da distância. Mesmo com McDonald sendo ágil, os primeiros golpes entraram com força, mas o americano conseguiu contragolpear e acertar o rosto de Barão. A luta era muito estudada e equilibrada, mas já era possível ver um ferimento no rosto do desafiante. A dois minutos do fim do round, Barão conseguiu derrubar o americano após uma tentativa errada de queda do desafiante, pegando suas costas, e, logo em seguida, aplicar um kata-gatame. Após alguns instantes em que McDonald dizia estar com a situação sob controle, Barão ajustou o golpe e fez o americano bater, desistindo do combate.





Fonte:SporTV

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More