segunda-feira, 18 de maio de 2015

Juíza suspende banimento vitalício a Wanderlei Silva imposto pela NAC

De acordo com documentos obtidos pelo "MMA Fighting", a juiza Kerry Earley considerou a medida tomada pela comissão atlética "arbitrária e caprichosa"


Wanderlei Silva conseguiu um triunfo sobre a Comissão Atlética de Nevada (NAC) na última sexta-feira. De acordo com documentos obtidos pelo site "MMA Fighting", a corte do distrito decidiu revogar a decisão da NAC em banir o lutador brasileiro do esporte e aplicar-lhe multa de US$ 70 mil (cerca de R$ 210 mil), por ter fugido de exame antidoping surpresa em maio de 2014. Wand terá que comparecer a uma nova audiência frente a comissão, em data ainda não divulgada.

Juiza de Nevada considerou desapropriada a decisão da NAC em banir Wanderlei Silva do esporte (Foto: Evelyn Rodrigues)

Segundo a juiza Kerry Earley, de Nevada, a NAC agiu com excesso de autoridade, sem "embasar a decisão em evidências substanciais". A juiza considerou a medida tomada pela comissão "arbitrária e caprichosa".


No entanto, a defesa do advogado de Wanderlei, Ross Goodman, também não foi acatada pela justiça local. O argumento era de que, por não estar licenciado pela NAC, o brasileiro não poderia ser submetido a um exame surpresa. A juiza afirmou que a comissão exerceu jurisdição de maneira apropriada nesse quesito.


Em maio do ano passado, a NAC enviou um representante para a academia do brasileiro para um exame antidoping, antes da luta então marcada contra Chael Sonnen. O lutador desapareceu do local sem se explicar, e sem fazer o exame.


Em audiência em junho, Wand revelou ter usado diuréticos, substâncias proibidas pela comissão, alegando ser esse o motivo da "fuga". A decisão da NAC foi tomada em setembro e considerada descabida por Earley.


Em comunicado por escrito, o advogado do brasileiro afirmou que este é o "primeiro passo na direção certa":


- Estamos felizes com a decisão. Infelizmente, a corte não discutiu o fato de que o lutador não estava licenciado sob a NAC, embora a entidade limite sua jurisdição a "combatentes licenciados desarmados - disse.





Por:Combate.com

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More